Movimento “Portugal Sem Dor”

O movimento “Portugal sem Dor” pretende sensibilizar para a dor nas suas várias vertentes, sociais ou económicas.

O desconforto e mau estar provocado pela dor impacta o desempenho profissional dos portugueses, que veem a sua concentração e produtividade afetada. Por outro lado, quem sofre de dor demonstra também menos disposição emocional para conviver e interagir com os seus amigos e familiares, vendo as suas relações sociais prejudicadas.

Neste sentido, o movimento “Portugal sem Dor” procura alertar não só para as consequências da dor na vida dos portugueses, mas também para a importância da criação e adoção de estratégias que promovam o alívio ou tratamento deste problema e uma melhor qualidade de vida.

Para um “Portugal sem Dor” e mais feliz, é importante adotar um estilo de vida mais equilibrado, que inclua atividade física e um acompanhamento regular da saúde.